Espanha "atropela" alemães


A Espanha cumpriu calendário e bateu concludentemente a Alemanha por 11-2, resultado que explana bastante bem a diferença entre os dois conjuntos. Com domínio total da pista, “nuetros hermanos”, que iniciaram já o processo de renovação da sua seleção com a presença de Alabart, jogador do Barcelona já com créditos firmados, não deram hipóteses à equipa germânica que ripostou somente pelos seus melhores jogador, Daniel Strieder com o 1-5 a 3 minutos do final da 1ª Parte e Max Thiel, que transformou um Livre Direto resultante da 10ª Falta de Espanha a 6 minutos do final da contenda. Vitória sem discussão da melhor equipa em pista

SIGA O DIRETO AQUI

Pavilhão

Pavilhão Multiusos de Paredes
Jogo Completo
Resumos